Publicidade
Home  >  O Relógio  >  Marcas  >  cartier Voltar

CartierGuia de Marcas

É em 1888 que a primeira referência a relógios de pulso é feita nos arquivos da Cartier. Naquele tempo, era produzido um grande número de relógios de bolso, mas para Louis Cartier o futuro pertencia ao relógio de pulso.

Foi o início de uma longa e bela história, que deu origem a inúmeros modelos, como o Tonneau, o Tortue, o Tank, o Baignoire, o Panthère, o Pasha... Nomes que evocam um certo formato, uma coroa, marcadores, ponteiros, um mostrador, e que fizeram a fama do nome Cartier.
Site oficial: www.cartier.com

Vídeos Relacionados

Never Stop Tank - Tank Anglaise watch
Promenade d'une Panthere watch
Cartier ID Two
Cartier Astrotourbillon Carbon Crystal
Ver mais vídeos

 Notícias Recentes

Tank Louis Cartier
Tank Cintrée Skeleton
Panthère Joueuse
Ver mais notícias

Novidades Salões

Panthère Joueuse

História

Uma das mais antigas joalherias do mundo, satisfazendo aos caprichos igualmente da realeza e das estrelas do cinema, a Cartier goza de uma reputação por vender apenas jóias e acessórios da mais alta qualidade. Em nenhum outro lugar esta filosofia é mais evidente que na altamente diversificada linha de relógios de pulso, muitos dos quais são os mais reconhecidos desenhos do planeta. Dos modelos Tank e Pasha, aos mais finos relógios-jóia para mulheres, literalmente existe um Cartier para cada pessoa, em quase todas as faixas de preço.

A Cartier foi fundada em Paris por Louis-Francois Cartier, em 1847. Apenas quatro anos depois, Napoleão III subiu ao poder, e através da Condessa Nieuwerkerke, o jovem Cartier tornou-se fornecedor da Corte, vendendo a Empress Eugenie um serviço para chá em prata em 1859. No mesmo ano, Cartier alugou uma sede no Boulevard des Italiens, cuja vizinhança era a mais sintonizada na moda em Paris. As jóias de Cartier eram caracterizadas por um toque leve, arejado, em contraste com os ornamentos formais e pesados do período.

Em 1874, o filho de Cartier, Alfred, assumiu os negócios e expandiu-os consideravelmente. Isto incluiu relógios, que Louis-Francois tinha apenas mostrado interesse. Em 1899, o filho de Alfred, Louis Cartier, entrou para e empresa. Louis era um grande amante dos relógios de bolso mecânicos e queria que a companhia produzisse seus próprios relógios.

Em 1904, Louis Cartier encontrou o aviador brasileiro Alberto Santos Dumont, que reclamou da não comodidade dos relógios de bolso durante os vôos. Cartier assumiu o desafio, desenhando um relógio de pulso plano com um peculiar aro quadrado. Este relógio não foi apenas um sucesso com Santos Dumont, mas também com muitos clientes da Cartier. Com seu desenho atemporal, o "Santos" havia nascido. Incrivelmente, este relógio ainda é produzido nos dias de hoje com praticamente o mesmo formato.

Em 1907, Cartier assinou um contrato com Edmond Jaeger, que concordou em fornecer movimentos exclusivamente para os relógios Cartier. Nesta época, Cartier tinha filiais em Londres, Nova Iorque e São Petersburgo e estava rapidamente tornando-se uma das companhias relojoeiras de maior sucesso no mundo. A introdução dos modelos Baignoire e Tortue (ambos ainda em produção atualmente) foi feita em 1912, seguidos pelo modelo Tank em 1917. Em 1932, o relógio à prova de água feito especialmente para o Pasha de Marrakesh - elevou ainda mais o seu sucesso. É desnecessário dizer que as inovações, tanto em termos de desenho como tecnológicos, continuava no mesmo passo.

No início dos anos 1920, Cartier formou uma companhia juntamente com Edward Jaeger (da famosa Jaeger-LeCoultre) para produzir movimentos exclusivamente para a Cartier. Com isto nascia a famosa European Watch & Clock, embora a Cartier continuasse a usar movimentos de outras grandes marcas. Relógios Cartier podem ser encontrados com movimentos da Vacheron Constantin, Audemars Piguet, Movado e LeCoultre. Foi também durante este período que a Cartier começou a usar seu próprio número de referência aos relógios que vendia, normalmente estampando um código de quatro dígitos na base do suporte da pulseira. De fato, muitos colecionadores recusam-se a aceitar um Cartier como original, a menos que estes números estejam presentes.

Em 1942, Louis Cartier faleceu, e seus sucessores foram incapazes de continuar sem o seu gênio artístico. Como resultado, a companhia tornou-se financeira e artisticamente estagnada. Foi somente em 1972, quando um grupo de investidores assumiu a companhia e instalou Alain Perrin como seu principal executivo, que a empresa finalmente recuperou o terreno perdido. Perrin, anteriormente um vendedor de antigüidades, recuperou a companhia. Desenvolvendo a linha "Le Must", bem como criando novas versões de clássicos tais como o "Santos", conduziu a Cartier para reestabelecê-la como uma indústria relojoeira inovadora e sintonizada com a moda.

Hoje, os relógios mais vendidos da Cartier incluem o clássico "Tank", o novo "Tank Française", um relógio esportivo similar em conceito ao "Santos", o "Pasha", que tornou-se um relógio muito feminino e o "Panther", que apresenta um bracelete muito distinto disponível em ouro 18 quilates, aço e ouro, e aço. É desnecessário dizer que um relógio Cartier tem um acabamento em altíssimo padrão. As caixas e braceletes, em particular, são meticulosamente manufaturadas e irradiam qualidade em todo o sentido da palavra. A despeito do nome famoso da marca e de seus desenhos atemporais, os relógios Cartier são disponíveis em uma larga faixa preços e estilos. Se você estiver procurando por uma marca de prestígio que ofereça um mix de manufatura de qualidade e estilo contemporâneo, Cartier é uma séria opção.

 

Jacques, Alfred, Louis e Pierre Cartier
Antigo modelo do Relógio Santos Dumont
Loja Cartier em Londres, New Bond Street, 175-176
x